Incluir recursos existentes no gerenciamento do CloudFormation - AWS CloudFormation

Incluir recursos existentes no gerenciamento do CloudFormation

Se você criou um recurso da AWS fora do gerenciamento do AWS CloudFormation, poderá trazer esse recurso existente para o gerenciamento do AWS CloudFormation usando resource import. É possível gerenciar recursos usando o AWS CloudFormation, independentemente de onde foram criados, sem precisar excluí-los ou recriá-los como parte de uma pilha.

Para obter uma lista de recursos da AWS que oferecem suporte a operações de importação, consulte Recursos que oferecem suporte a operações de importação.

Visão geral de importação de recursos

Durante uma operação de importação, você cria um conjunto de alterações importando recursos existentes para uma pilha ou cria uma pilha com os recursos existentes. Você fornece o seguinte durante a importação.

  • Um modelo que descreve toda a pilha, incluindo os recursos de pilha originais e os recursos que estão sendo importados. Todos os recursos a serem importados devem ter um atributo DeletionPolicy.

  • Identificadores para os recursos a serem importados. Você fornece dois valores para identificar cada recurso de destino.

    • Uma propriedade identificadora. Esta é uma propriedade de recursos que pode ser usada para identificar cada tipo de recurso. Por exemplo, um recurso AWS::S3::Bucket pode ser identificado usando o BucketName.

    • Um valor do identificador. Este é o valor da propriedade real do recurso de destino. Por exemplo, o valor real da propriedade BucketName deve ser MyS3Bucket.

Validação da importação de recursos

Durante uma operação de importação, o CloudFormation realiza as validações a seguir.

  • O recurso a ser importado já existe.

  • As propriedades e os valores de configuração de cada recurso a ser importado aderem ao esquema do tipo do recurso, que define as propriedades aceitas, as propriedades obrigatórias e os valores de propriedades compatíveis.

  • As propriedades obrigatórias são especificadas no modelo. As propriedades obrigatórias de cada tipo de recurso estão listadas na Referência de propriedades e recursos.

  • O recurso a ser importado não pertence a outra pilha na mesma região.

O CloudFormationnão verifica se a configuração do modelo corresponde à configuração real das propriedades do recurso.

Códigos de status de importação de recursos

Esta tabela descreve os vários tipos de status usados com resource import.

Status da operação de importação Descrição

IMPORT_IN_PROGRESS

A operação de importação está em andamento.

IMPORT_COMPLETE

A operação de importação foi concluída para todos os recursos na pilha.

IMPORT_ROLLBACK_IN_PROGRESS

A operação de importação está revertendo a configuração do modelo anterior.

IMPORT_ROLLBACK_FAILED

A operação de reversão de importação falhou.

IMPORT_ROLLBACK_COMPLETE

A importação foi revertida para a configuração do modelo anterior.

Considerações durante uma operação de importação

  • Após a importação ter sido concluída, e antes de realizar as operações de pilhas subsequentes, recomendamos executar a detecção de desvios nos recursos importados. A detecção de desvios garante que a configuração do modelo corresponda à configuração real.

  • As operações de importação não permitem criações de novos recursos, exclusões de recursos ou alterações para configurações de propriedade.

  • Cada recurso a ser importado deve ter um atributo DeletionPolicy para que a operação de importação tenha êxito. O DeletionPolicy pode ser definido como qualquer valor possível. Somente os recursos de destino precisam de DeletionPolicy. Os recursos que já fazem parte da pilha não precisam de DeletionPolicy.

  • Não é possível importar o mesmo recurso em várias pilhas.

  • Você pode usar a condição da política cloudformation:ImportResourceTypes do IAM para controlar com quais tipos de recursos os usuários do IAM podem trabalhar durante uma operação de importação.

  • Os limites da pilha do AWS CloudFormation são aplicáveis ao importar recursos. Para saber mais sobre limites, consulte Limites do AWS CloudFormation.

Conceitos básicos da importação de recursos