Pontos de acesso multirregionais no Amazon S3 - Amazon Simple Storage Service

Pontos de acesso multirregionais no Amazon S3

Os pontos de acesso multirregionais do Amazon S3 fornecem um endpoint global que as aplicações podem usar para atender a solicitações de buckets do S3 localizados em várias Regiões da AWS. Você pode usar pontos de acesso multirregionais para criar aplicações de várias regiões com a mesma arquitetura usada em uma única região, depois executar essas aplicações em qualquer lugar do mundo. Em vez de enviar solicitações pela Internet pública congestionada, os pontos de acesso multirregionais fornecem resiliência de rede integrada com aceleração de solicitações baseadas na Internet para o Amazon S3. Solicitações de aplicações feitas para um endpoint global de ponto de acesso multirregional usam o AWS Global Accelerator para rotear automaticamente pela rede global da AWS para o bucket do S3 mais próximo com status de roteamento ativo.

Ao criar um ponto de acesso multirregional, você especifica um conjunto de Regiões da AWS onde deseja armazenar dados que serão fornecidos por meio desse ponto de acesso multirregional. Você pode usar Replicação entre regiões do S3 (CRR) para sincronizar dados entre buckets nessas regiões. Em seguida, você pode solicitar ou gravar dados por meio do endpoint global do ponto de acesso multirregional. O Amazon S3 atende automaticamente às solicitações para o conjunto de dados replicado da região mais próxima disponível. Os pontos de acesso multirregionais também são compatíveis com aplicações executadas em nuvens privadas virtuais (VPCs) da Amazon, incluindo aquelas que usam AWS PrivateLink for Amazon S3.

A imagem a seguir é uma representação gráfica de um ponto de acesso multirregional do Amazon S3 em uma representação ativa-ativa. O gráfico mostra como as solicitações do Amazon S3 são roteadas automaticamente para buckets no Região da AWS ativo mais próximo.

Diagrama que mostra solicitações roteadas por meio do ponto de acesso multirregional no Amazon S3.

A imagem a seguir é uma representação gráfica de um ponto de acesso multirregional do Amazon S3 em uma representação ativa-passiva. O gráfico mostra como você pode controlar o tráfego de acesso a dados do Amazon S3 para realizar failover entre Regiões da AWS ativas e passivas.

Diagrama que mostra um ponto de acesso multirregional do Amazon S3 em uma representação ativa-passiva.

Para saber mais sobre como usar pontos de acesso multirregiões, consulte o Tutorial: Introdução aos pontos de acesso multirregionais do Amazon S3.