Tags de alocação de custos definidas pelo usuário - Faturamento da AWS

Tags de alocação de custos definidas pelo usuário

Tags definidas pelo usuário são tags que você define, cria e aplica a recursos. Depois de criar e aplicar as tags definidas pelo usuário, é possível ativá-las usando o console do Billing and Cost Management para o rastreamento da alocação de custos. As tags de alocação de custos aparecem no console depois que você habilitou o Cost Explorer, o Budgets, Relatórios de uso e de custo da AWS ou relatórios legados. Depois de ativar os serviços da AWS, eles aparecerão no seu relatório de alocação de custos. Em seguida, é possível usar as tags no seu relatório de alocação de custos para rastrear seus custos da AWS. As tags não são aplicadas a recursos criados antes da criação das tags.

nota
  • Como prática recomendada, reative suas tags de alocação de custos ao mover organizações. Quando uma conta se move para outra organização como membro, as tags de alocação de custos ativadas anteriormente para esta conta perdem seu status “ativo” e precisam ser reativadas pela nova conta de gerenciamento.

  • Como uma melhor prática, não inclua informações confidenciais nas tags.

  • Somente contas de gerenciamento em uma organização e contas individuais que não são membros de uma organização têm acesso ao gerenciador de Cost Allocation Tags (Tags de alocação de custos) no console do Billing and Cost Management.

Como aplicar tags de alocação de custos definidas pelo usuário

Para facilitar uso e obter os melhores resultados, use o AWS Tag Editor para criar e aplicar tags definidas pelo usuário. O Tag Editor proporciona uma forma central unificada para criar e gerenciar suas tags definidas pelo usuário. Para obter mais informações, consulte Como trabalhar com o Tag Editor no Guia do usuário do AWS Resource Groups.

Para serviços compatíveis, também é possível aplicar tags aos recursos usando a API ou o AWS Management Console. Cada serviço da AWS tem sua própria implementação de tags. É possível trabalhar com essas implementações individualmente ou usar o Tag Editor para simplificar o processo. Para ver uma lista completa de serviços que são compatíveis com tags, consulte Recursos compatíveis com grupos baseados em tags e Referência da API de tags do Resource Groups.

nota

O comportamento das tags de alocação de custos varia entre os serviços da AWS. Para saber mais sobre o comportamento da tag de alocação de custos para um serviço compatível, consulte a documentação do serviço. Por exemplo, para saber mais sobre o uso de tags de alocação de custo com o Amazon ECS, consulte Marcar seus recursos do Amazon ECS no Guia do desenvolvedor do Amazon Elastic Container Service.

Depois de criar e aplicar tags definidas pelo usuário, é possível ativá-las para alocação de custos. Se você ativar as tags para alocação de custos, é recomendável elaborar um conjunto de chaves de tag que represente como você deseja organizar seus custos. Seu relatório de alocação de custos exibe as chaves de tag como colunas adicionais com os valores aplicáveis a cada linha. Por isso, é mais fácil rastrear seus custos se você usar um conjunto consistente de chaves de tag.

Alguns serviços ativam outros recursos da AWS usados pelo serviço, como o Amazon EMR que ativa uma instância do EC2. Se o serviço de suporte (EC2) for compatível com o uso de tags, é possível marcar os recursos de suporte (como a instância associada do Amazon EC2) para seu relatório. Para obter uma lista completa dos recursos que podem ser marcados, use o Tag Editor para pesquisar. Para obter mais informações sobre como pesquisar recursos usando o Tag Editor, consulte Como pesquisar recursos a serem marcados com tags.

nota

Os itens de linha do AWS Marketplace são marcados com a tag de instância do Amazon EC2 associada.