Restaurar um cluster de banco de dados do Aurora Serverless v1 - Amazon Aurora

Restaurar um cluster de banco de dados do Aurora Serverless v1

É possível configurar um cluster de banco de dados do Aurora Serverless v1 ao restaurar um snapshot de cluster de banco de dados provisionado com o AWS Management Console, a AWS CLI ou a API do RDS.

Ao restaurar um snapshot em um cluster de banco de dados do Aurora Serverless v1, é possível definir os seguintes valores específicos:

  • Minimum Aurora capacity unit (Unidade de capacidade mínima do Aurora): o Aurora Serverless v1 pode reduzir a capacidade até essa unidade de capacidade.

  • Maximum Aurora capacity unit (Unidade de capacidade máxima do Aurora): o Aurora Serverless v1 pode aumentar a capacidade até essa unidade de capacidade.

  • Timeout action (Ação de tempo limite): a ação a ser executada quando uma modificação de capacidade expira porque não consegue encontrar um ponto de escalabilidade. Aurora Serverless v1 O cluster de banco de dados poderá forçar o cluster de banco de dados para as novas configurações de capacidade se definir a opção Force scaling the capacity to the specified values... (Forçar escalabilidade da capacidade para os valores especificados...). Ou ele poderá reverter a alteração de capacidade para cancelá-la se você não escolher a opção. Para obter mais informações, consulte Ação de tempo limite para alterações na capacidade.

  • Pause after inactivity (Pausar depois de inatividade) – a quantidade de tempo sem tráfego no banco de dados que determina o redimensionamento da capacidade de processamento para zero. Quando o tráfego no banco de dados é retomado, o Aurora retoma automaticamente a capacidade de processamento e escala para tratar o tráfego.

Para obter mais informações gerais sobre como restaurar um cluster de banco de dados a partir de um snapshot, consulte Restauração de um snapshot de um cluster de banco de dados.

Você pode restaurar um snapshot de cluster de banco de dados em um cluster de bancos de dados Aurora com o AWS Management Console.

Para restaurar um snapshot de cluster de banco de dados em um cluster de banco de dados Aurora.
  1. Faça login no AWS Management Console e abra o console do Amazon RDS em https://console.aws.amazon.com/rds/.

  2. No canto superior direito do AWS Management Console, escolha a Região da AWS que hospeda o cluster de banco de dados de origem.

  3. No painel de navegação, escolha Snapshots e escolha o snapshot de cluster de banco de dados que você deseja restaurar.

  4. Em Actions (Ações), escolha Restore Snapshot (Restaurar snapshot).

  5. Na página Restore DB Cluster (Restaurar cluster de banco de dados), escolha Serverless (Sem servidor) para o Capacity type (Tipo de capacidade).

    Restaure um cluster de banco de dados do Aurora Serverless v1 com o console.
  6. No campo DB cluster identifier (Identificador do cluster de banco de dados), digite o nome do cluster de banco de dados restaurado e preencha os outros campos.

  7. Na seção Capacity settings (Configurações da capacidade), modifique a configuração de escalabilidade.

    Configurar as capacidades mínima e máxima de um cluster de banco de dados do Aurora Serverless v1 com o console
  8. Escolha Restore DB Cluster (Restaurar cluster de banco de dados).

Para se conectar a um cluster de banco de dados do Aurora Serverless v1, use o endpoint do banco de dados. Para obter mais detalhes, consulte as instruções em Como conectar-se a um cluster de bancos de dados Amazon Aurora.

nota

Se você encontrar a seguinte mensagem de erro, sua conta exigirá permissões adicionais:

Unable to create the resource. Verify that you have permission to create service linked role. Otherwise wait and try again later.

Para obter mais informações, consulte Usar funções vinculadas ao serviço do Amazon Aurora.

É possível configurar um cluster de banco de dados do Aurora Serverless ao restaurar um snapshot de cluster de banco de dados provisionado com o AWS Management Console, a AWS CLI ou a API do RDS.

Ao restaurar um snapshot em um cluster de banco de dados do Aurora Serverless, é possível definir os seguintes valores específicos:

  • Minimum Aurora capacity unit (Unidade de capacidade mínima do Aurora): o Aurora Serverless pode reduzir a capacidade até essa unidade de capacidade.

  • Maximum Aurora capacity unit (Unidade de capacidade máxima do Aurora): o Aurora Serverless pode aumentar a capacidade até essa unidade de capacidade.

  • Timeout action (Ação de tempo limite): a ação a ser executada quando uma modificação de capacidade expira porque não consegue encontrar um ponto de escalabilidade. Aurora Serverless v1 O cluster de banco de dados poderá forçar o cluster de banco de dados para as novas configurações de capacidade se definir a opção Force scaling the capacity to the specified values... (Forçar escalabilidade da capacidade para os valores especificados...). Ou ele poderá reverter a alteração de capacidade para cancelá-la se você não escolher a opção. Para obter mais informações, consulte Ação de tempo limite para alterações na capacidade.

  • Pause after inactivity (Pausar depois de inatividade) – a quantidade de tempo sem tráfego no banco de dados que determina o redimensionamento da capacidade de processamento para zero. Quando o tráfego no banco de dados é retomado, o Aurora retoma automaticamente a capacidade de processamento e escala para tratar o tráfego.

nota

A versão do snapshot do cluster de banco de dados deve ser compatível com o Aurora Serverless v1. Para obter a lista de versões compatíveis, consulte Aurora Serverless v1.

Para restaurar um snapshot para um cluster do Aurora Serverless v1 com compatibilidade com o MySQL 5.7, inclua os seguintes parâmetros adicionais:

  • --engine aurora-mysql

  • --engine-version 5.7

Os parâmetros --engine e --engine-version permitem que você crie um cluster do Aurora Serverless v1 compatível com MySQL 5.7 a partir de um snapshot do Aurora compatível com o MySQL 5.6 ou do Aurora Serverless v1 . O exemplo a seguir restaura um snapshot de um cluster compatível com MySQL 5.6 chamado mydbclustersnapshot para um cluster Aurora Serverless v1 compatível com MySQL 5.7 chamado mynewdbcluster.

Para Linux, macOS ou Unix:

aws rds restore-db-cluster-from-snapshot \ --db-cluster-identifier mynewdbcluster \ --snapshot-identifier mydbclustersnapshot \ --engine-mode serverless \ --engine aurora-mysql \ --engine-version 5.7

Para Windows:

aws rds restore-db-cluster-from-snapshot ^ --db-instance-identifier mynewdbcluster ^ --db-snapshot-identifier mydbclustersnapshot ^ --engine aurora-mysql ^ --engine-version 5.7

Opcionalmente, você pode especificar a opção --scaling-configuration para configurar a capacidade mínima, a capacidade máxima e a pausa automática quando não houver conexões. Entre os valores de capacidade válidos estão os seguintes:

  • Aurora MySQL: 1, 2, 4, 8, 16, 32, 64, 128 e 256.

  • Aurora PostgreSQL: 2, 4, 8, 16, 32, 64, 192 e 384.

No exemplo a seguir, você restaura de um snapshot de cluster de banco de dados criado anteriormente chamado mydbclustersnapshot para um novo cluster de banco de dados chamado mynewdbcluster. Você define o --scaling-configuration para que o novo cluster de banco de dados do Aurora Serverless v1 possa escalar de 8 ACUs para 64 ACUs (unidades de capacidade do Aurora) conforme necessário para processar a workload. Após a conclusão do processamento e após 1000 segundos sem nenhuma conexão compatível, o cluster é encerrado até que as solicitações de conexão peçam para reiniciar.

Para Linux, macOS ou Unix:

aws rds restore-db-cluster-from-snapshot \ --db-cluster-identifier mynewdbcluster \ --snapshot-identifier mydbclustersnapshot \ --engine-mode serverless --scaling-configuration MinCapacity=8,MaxCapacity=64,TimeoutAction='ForceApplyCapacityChange',SecondsUntilAutoPause=1000,AutoPause=true

Para Windows:

aws rds restore-db-cluster-from-snapshot ^ --db-instance-identifier mynewdbcluster ^ --db-snapshot-identifier mydbclustersnapshot ^ --engine-mode serverless --scaling-configuration MinCapacity=8,MaxCapacity=64,TimeoutAction='ForceApplyCapacityChange',SecondsUntilAutoPause=1000,AutoPause=true

Para configurar um cluster de banco de dados do Aurora Serverless v1 ao restaurar um cluster de banco de dados usando a API do RDS, execute a operação RestoreDBClusterFromSnapshot e especifique serverless no parâmetro EngineMode.

Opcionalmente, você pode especificar o parâmetro ScalingConfiguration para configurar a capacidade mínima, a capacidade máxima e a pausa automática quando não houver conexões. Entre os valores de capacidade válidos estão os seguintes:

  • Aurora MySQL: 1, 2, 4, 8, 16, 32, 64, 128 e 256.

  • Aurora PostgreSQL: 2, 4, 8, 16, 32, 64, 192 e 384.