Adicionar volumes de armazenamento de instâncias à instância do EC2 - Amazon Elastic Compute Cloud

Adicionar volumes de armazenamento de instâncias à instância do EC2

Você especifica os volumes do EBS e os volumes de armazenamento de instâncias à instância usando um mapeamento de dispositivos de blocos. Cada entrada em um mapeamento de dispositivos de blocos inclui um nome de dispositivo e o volume para o qual ele é mapeado. O mapeamento de dispositivos de blocos padrão é especificado pela AMI que você usa. Como alternativa, você pode especificar um mapeamento de dispositivos de blocos para a instância ao executá-la.

Todos os volumes de armazenamento de instâncias de NVMe compatíveis com um tipo de instância são automaticamente enumerados e atribuídos a um nome de dispositivo durante a execução da instância. Incluí-los no mapeamento de dispositivos de blocos da AMI ou da instância não surtirá nenhum efeito. Para obter mais informações, consulte Mapeamentos de dispositivos de blocos.

Um mapeamento de dispositivos de blocos sempre especifica o volume raiz da instância. O volume raiz é um volume do Amazon EBS ou um volume do armazenamento de instâncias. Para obter mais informações, consulte Armazenamento para o dispositivo raiz. O volume raiz é montado automaticamente. Para instâncias com um volume de armazenamento de instâncias do volume de raiz, o tamanho desse volume varia por AMI, mas o tamanho máximo é 10 GB.

Você pode usar um mapeamento de dispositivos de blocos para especificar volumes do EBS adicionais ao executar a instância, ou pode anexar volumes do EBS adicionais depois que a instância está em execução. Para obter mais informações, consulte Volumes do Amazon EBS.

É possível especificar os volumes de armazenamento de instâncias para uma instância somente ao executá-la. Você não pode anexar volumes de armazenamento de instâncias depois de executar a instância.

Se você alterar o tipo de instância, o armazenamento de instâncias não será vinculado ao novo tipo de instância. Para obter mais informações, consulte Alterar o tipo de instância.

O número e o tamanho de volumes de armazenamento de instâncias disponíveis varia por tipo de instância. Alguns tipos de instância não oferecem suporte a volumes de armazenamento de instâncias. Se o número de volumes de armazenamento de instâncias em um mapeamento de dispositivos de blocos exceder o número de volumes de armazenamento de instâncias disponível para uma instância, os volumes adicionais serão ignorados. Para obter mais informações sobre o suporte a volumes de armazenamento de instâncias com suporte de cada tipo de instância, consulte Volumes de armazenamento de instâncias.

Se o tipo de instância escolhido para a instância oferecer suporte aos volumes de armazenamento de instâncias não NVMe, adicione-os ao mapeamento de dispositivos de blocos da instância ao executá-la. Os volumes de armazenamento de instâncias NVMe estão disponíveis por padrão. Depois de executar uma instância, verifique se os volumes de armazenamento de instâncias da instância estão formatados e montados para poderem ser usados. O volume raiz de uma instância com suporte ao armazenamento de instâncias é montado automaticamente.

Adicionar volumes de armazenamento de instâncias a uma AMI

Você pode criar uma AMI com um mapeamento de dispositivos de blocos que inclua volumes de armazenamento de instâncias. Se você executar uma instância com um tipo de instância que ofereça suporte a volumes de armazenamento de instâncias e com uma AMI que especifique volumes de armazenamento de instancias em seu mapeamento de dispositivos de blocos, a instância incluirá esses volumes de armazenamento de instâncias. Se o número de volumes de armazenamento de instâncias no mapeamento de dispositivos de blocos exceder o número de volumes de armazenamento de instâncias disponível para a instância, os volumes de armazenamento de instâncias adicionais serão ignorados.

Considerations

  • Para instâncias M3, especifique volumes de armazenamento de instância no mapeamento de dispositivos de blocos da instância, não na AMI. O Amazon EC2 pode ignorar volumes de armazenamento de instância especificados apenas no mapeamento de dispositivos de blocos da AMI.

  • Ao executar uma instância, você poderá omitir volumes de armazenamento de instâncias não NVMe especificados no mapeamento de dispositivos de blocos da AMI ou adicionar volumes de armazenamentos de instâncias.

New console

Para adicionar volumes de armazenamento de instâncias para uma AMI com suporte do Amazon EBS usando o console

  1. Abra o console do Amazon EC2 em https://console.aws.amazon.com/ec2/.

  2. No painel de navegação, escolha Instances e selecione a instância.

  3. Escolha Actions (Ações), Image and templates (Imagem e modelos), Create image (Criar imagem).

  4. Na página diálogo Create Image (Criar imagem), adicione um nome e uma descrição significativos para imagem.

  5. Para cada volume de armazenamento de instâncias a ser adicionado, selecione Add volume (Adicionar volume), em Volume type (Tipo de volume) selecione um volume de armazenamento de instâncias, e em Device (Dispositivo), selecione um nome de dispositivo. (Para obter mais informações, consulte Nomes de dispositivos em instâncias do Linux..) O número de volumes de armazenamento de instâncias disponíveis depende do tipo de instância. Para instâncias com volumes de armazenamento de instâncias de NVMe, o mapeamento de dispositivos desses volumes depende da ordem na qual o sistema operacional enumera os volumes.

  6. Escolha Create Image (Criar imagem).

Old console

Para adicionar volumes de armazenamento de instâncias para uma AMI com suporte do Amazon EBS usando o console

  1. Abra o console do Amazon EC2 em https://console.aws.amazon.com/ec2/.

  2. No painel de navegação, escolha Instances e selecione a instância.

  3. Escolha Ações, Imagem, Criar imagem.

  4. Na caixa de diálogo Create Image, digite um nome e uma descrição significativos para a imagem.

  5. Para cada volume de armazenamento da instância a ser adicionado, selecione Add New Volume, em Volume Type selecione um volume de armazenamento da instância, e em Device, selecione um nome de dispositivo. (Para obter mais informações, consulte Nomes de dispositivos em instâncias do Linux..) O número de volumes de armazenamento de instâncias disponíveis depende do tipo de instância. Para instâncias com volumes de armazenamento de instâncias de NVMe, o mapeamento de dispositivos desses volumes depende da ordem na qual o sistema operacional enumera os volumes.

  6. Escolha Create Image.

Para adicionar volumes de armazenamento de instâncias a uma AMI usando a linha de comando

Você pode usar um dos comandos a seguir. Para obter mais informações sobre essas interfaces de linha de comando, consulte Acessar o Amazon EC2.

Adicionar volumes de armazenamento de instâncias a uma instância

Quando você executa uma instância, o mapeamento de dispositivos de blocos padrão é fornecido pela AMI especificada. Se você precisar de volumes de armazenamento de instâncias adicionais, adicione-os à instância ao executá-la. Você também pode omitir dispositivos especificados no mapeamento de dispositivos de blocos da AMI.

Considerations

  • Para instâncias do M3, você pode receber volumes de armazenamento de instâncias mesmo que você não os especifique no mapeamento de dispositivos de blocos da instância.

  • Para instâncias do HS1, não importa quantos volumes de armazenamento de instâncias você especifica no mapeamento de dispositivos de blocos da AMI, o mapeamento de dispositivos de blocos de uma instância executada na AMI inclui automaticamente o número máximo de volumes de armazenamento de instâncias com suporte. Você deve remover explicitamente os volumes de armazenamento de instâncias que você não deseja no mapeamento de dispositivos de blocos da instância antes de executá-la.

Para atualizar o mapeamento de dispositivos de blocos de uma instância usando o console

  1. Abra o console do Amazon EC2.

  2. No painel, escolha Executar instância.

  3. Na Step 1: Choose an Amazon Machine Image (AMI), selecione a AMI a ser usada e escolha Select.

  4. Siga o assistente para concluir a Step 1: Choose an Amazon Machine Image (AMI), a Step 2: Choose an Instance Type e a Step 3: Configure Instance Details.

  5. Na Step 4: Add Storage, modifique as entradas conforme necessário. Para cada volume de armazenamento da instância a ser adicionado, selecione Add New Volume, em Volume Type selecione um volume de armazenamento da instância, e em Device, selecione um nome de dispositivo. O número de volumes de armazenamento de instâncias disponíveis depende do tipo de instância.

  6. Conclua o assistente e execute a instância.

  7. (Opcional) Para visualizar os volumes de armazenamento de instâncias disponíveis na instância, execute o comando lsblk.

Para atualizar o mapeamento de dispositivos de blocos de uma instância usando a linha de comando

Você pode usar um dos seguintes comandos de opções com o comando correspondente. Para obter mais informações sobre essas interfaces de linha de comando, consulte Acessar o Amazon EC2.

Disponibilizar volumes de armazenamento de instâncias na instância

Depois que você executa uma instância, os volumes de armazenamento de instâncias estão disponíveis para a instância, mas não será possível acessá-los até que você os monte. Para instâncias Linux, o tipo de instância determina quais volumes de armazenamento de instâncias são montados para você e quais estão disponíveis para que você mesmo monte. Em instâncias do Windows, o serviço EC2Config monta os volumes de armazenamento de instâncias para uma instância. O driver do dispositivo de blocos da instância atribui o nome real do volume ao montá-lo, e o nome atribuído pode ser diferente do nome recomendado pelo Amazon EC2.

Muitos volumes de armazenamento de instâncias são pré-formatados com o sistema de arquivos ext3. Os volumes de armazenamento de instâncias baseados em SSD que oferecem suporte à instrução TRIM não são pré-formatados com nenhum sistema de arquivos. No entanto, você pode formatar volumes com o sistema de arquivos de sua escolha depois de executar a instância. Para obter mais informações, consulte Suporte a TRIM do volume de armazenamento de instâncias. Em instâncias do Windows, o serviço EC2Config reformata os volumes de armazenamento de instâncias com o sistema de arquivos NTFS.

Você pode confirmar se os dispositivos de armazenamento de instâncias estão disponíveis na própria instância usando metadados da instância. Para obter mais informações, consulte Visualizar o mapeamento de dispositivos de blocos de instância para volumes de armazenamento de instâncias.

Em instâncias do Windows, também é possível visualizar os volumes de armazenamento de instâncias usando o Gerenciamento de Disco do Windows. Para obter mais informações, consulte Listar discos usando o Gerenciamento de disco do Windows.

Em instâncias Linux, você pode visualizar e montar os volumes de armazenamento de instâncias conforme descrito no procedimento a seguir.

Para disponibilizar um volume de armazenamento de instâncias no Linux

  1. Conecte-se à instância usando um cliente SSH. Para obter mais informações, consulte Conecte-se à sua instância do Linux.

  2. Use o comando df -h para visualizar os volumes formatados e montados.

    [ec2-user ~]$ df -h Filesystem Size Used Avail Use% Mounted on devtmpfs 3.8G 72K 3.8G 1% /dev tmpfs 3.8G 0 3.8G 0% /dev/shm /dev/nvme0n1p1 7.9G 1.2G 6.6G 15% /
  3. Use o lsblk para visualizar todos os volumes que foram mapeados na inicialização, mas não formatados e montados.

    [ec2-user ~]$ lsblk NAME MAJ:MIN RM SIZE RO TYPE MOUNTPOINT nvme0n1 259:1 0 8G 0 disk ├─nvme0n1p1 259:2 0 8G 0 part / └─nvme0n1p128 259:3 0 1M 0 part nvme1n1 259:0 0 69.9G 0 disk
  4. Para formatar e montar um volume de armazenamento de instâncias que foi apenas mapeado, faça o seguinte:

    1. Crie um sistema de arquivos no dispositivo usando o comando mkfs.

      [ec2-user ~]$ sudo mkfs -t xfs /dev/nvme1n1
    2. Crie um diretório no qual montar o dispositivo usando o comando mkdir.

      [ec2-user ~]$ sudo mkdir /data
    3. Monte o dispositivo no diretório recém-criado usando o comando mount.

      [ec2-user ~]$ sudo mount /dev/nvme1n1 /data

Para obter instruções sobre como montar um volume associado automaticamente após a reinicialização, consulte Montar automaticamente um volume anexado após a reinicialização.