Como interpretar a sua fatura da AWS e o Relatório de uso da AWS para o CloudFront - Amazon CloudFront

Como interpretar a sua fatura da AWS e o Relatório de uso da AWS para o CloudFront

Sua fatura da AWS para o CloudFront inclui códigos e abreviações que podem não ser óbvios de imediato. A primeira coluna da tabela a seguir indica os itens exibidos na fatura e explica o que cada um significa.

Além disso, você pode obter um relatório de uso da AWS para o CloudFront que contém mais detalhes do que a fatura da AWS para o CloudFront. A segunda coluna da tabela indica os itens exibidos no relatório de uso e mostra a correlação entre os itens da fatura e do relatório de uso.

A maioria dos códigos das duas colunas incluem uma abreviação de duas letras que indica a localização da atividade. Na tabela abaixo, a região em um código é substituída em sua fatura e no relatório de uso da AWS por uma das seguintes abreviações de duas letras:

  • AP: Hong Kong, Filipinas, Coreia do Sul, Taiwan e Cingapura (Ásia-Pacífico)

  • AU: Austrália

  • CA: Canadá

  • UE: Europa e Israel

  • IN: Índia

  • JP: Japão

  • OM: Oriente Médio

  • SA: América do Sul

  • US: Estados Unidos

  • ZA: África do Sul

Para obter mais informações sobre definição de preço por região, consulte Definição de preço do Amazon CloudFront.

nota

Esta tabela não inclui cobranças de transferência de objetos de um bucket do Amazon S3 para pontos de presença do CloudFront. Essas cobranças, se for o caso, serão exibidas na seção AWS Data Transfer (Transferência de dados da AWS) em sua fatura da AWS.

Itens na sua fatura do CloudFront Valores da coluna Usage Type (Tipo de uso) no relatório de uso do CloudFront

region-DataTransfer-Out-Bytes

Total de bytes fornecidos dos locais da borda do CloudFront na região em resposta a solicitações GET e HEAD do usuário.

region-Out-Bytes-HTTP-Static:

Bytes fornecidos por HTTP para objetos com TTL ≥ 3.600 segundos.

region-Out-Bytes-HTTPS-Static:

Bytes fornecidos por HTTP para objetos com TTL ≥ 3.600 segundos.

region-Out-Bytes-HTTP-Dynamic:

Bytes fornecidos por HTTP para objetos com TTL < 3.600 segundos.

region-Out-Bytes-HTTPS-Dynamic:

Bytes fornecidos por HTTP para objetos com TTL < 3.600 segundos.

region-Out-Bytes-HTTP-Proxy:

Bytes retornados do CloudFront para os visualizadores em resposta a solicitações DELETE, OPTIONS, PATCH, POST e PUT.

region-Out-Bytes-HTTPS-Proxy:

Bytes retornados do CloudFront para os visualizadores em resposta a solicitações DELETE, OPTIONS, PATCH, POST e PUT.

region-DataTransfer-Out-OBytes

Total de bytes transferidos de locais da borda do CloudFront para a sua origem ou função de borda em resposta a solicitações DELETE, OPTIONS, PATCH, POST e PUT. As cobranças incluem transferência de dados para dados WebSocket do cliente para o servidor.

region-Out-OBytes-HTTP-Proxy

Total de bytes transferidos por HTTP de locais da borda do CloudFront para a sua origem ou função de borda em resposta a solicitações DELETE, OPTIONS, PATCH, POST e PUT.

region-Out-OBytes-HTTPS-Proxy

Total de bytes transferidos por HTTP de locais da borda do CloudFront para a sua origem ou função de borda em resposta a solicitações DELETE, OPTIONS, PATCH, POST e PUT.

region-Requests-Tier1

Número de solicitações HTTP GET e HEAD.

region-Requests-HTTP-Static

Número de solicitações HTTP GET e HEAD atendidas de objetos com TTL ≥ 3.600 segundos.

region-Requests-HTTP-Dynamic

Número de solicitações HTTP GET e HEAD atendidas de objetos com TTL < 3.600 segundos.

region-Requests-Tier2-HTTPS

Número de solicitações HTTPS GET e HEAD.

region-Requests-HTTPS-Static

Número de solicitações HTTPS GET e HEAD atendidas de objetos com TTL ≥ 3.600 segundos.

region-Requests-HTTPS-Dynamic

Número de solicitações HTTPS GET e HEAD atendidas de objetos com TTL < 3.600 segundos.

region-Requests-HTTP-Proxy

Número de solicitações HTTP DELETE, OPTIONS, PATCH, POST e PUT que o CloudFront encaminha para a sua origem ou função de borda.

Também inclui o número de solicitações de WebSocket de HTTP (solicitações de GET com o cabeçalho Upgrade: websocket) que o CloudFront encaminha para a sua origem ou função de borda.

region-Requests-HTTP-Proxy

Equivalente ao item correspondente na fatura do CloudFront.

region-Requests-HTTPS-Proxy

Número de solicitações HTTP DELETE, OPTIONS, PATCH, POST e PUT que o CloudFront encaminha para a sua origem ou função de borda.

Também inclui o número de solicitações de WebSocket de HTTPS (solicitações de GET com o cabeçalho Upgrade: websocket) que o CloudFront encaminha para a sua origem ou função de borda.

region-Requests-HTTPS-Proxy

Equivalente ao item correspondente na fatura do CloudFront.

region-Requests-HTTPS-Proxy-FLE

Número de solicitações HTTPS DELETE, OPTIONS, PATCH e POST processadas com a criptografia em nível de campo que o CloudFront encaminha para a sua origem ou função de borda.

region-Requests-HTTPS-Proxy-FLE

Equivalente ao item correspondente na fatura do CloudFront.

region-Bytes-OriginShield

Total de bytes transferidos da origem para qualquer cache de borda regional, incluindo o cache de borda regional que está habilitado como Origin Shield (Shield de origem).

region-Bytes-OriginShield

Total de bytes transferidos da origem para qualquer cache de borda regional, incluindo o cache de borda regional que está habilitado como Origin Shield (Shield de origem).

region-OBytes-OriginShield

Total de bytes transferidos para a origem a partir de qualquer cache de borda regional, incluindo o cache de borda regional que está habilitado como Origin Shield (Shield de origem).

region-OBytes-OriginShield

Total de bytes transferidos para a origem a partir de qualquer cache de borda regional, incluindo o cache de borda regional que está habilitado como Origin Shield (Shield de origem).

region-Requests-OriginShield

Número de solicitações que vão para Origin Shield (Shield de origem) omo uma camada incremental. Para solicitações dinâmicas (não armazenáveis em cache) encaminhadas por proxy para a origem, o Origin Shield é sempre uma camada incremental. Para solicitações que podem ser armazenados em cache, o Shield de origem é às vezes uma camada incremental.

Para obter mais informações, consulte Estimar custos do Origin Shield.

region-Requests-OriginShield

Número de solicitações que vão para Origin Shield (Shield de origem) omo uma camada incremental. Para solicitações dinâmicas (não armazenáveis em cache) encaminhadas por proxy para a origem, o Origin Shield é sempre uma camada incremental. Para solicitações que podem ser armazenados em cache, o Shield de origem é às vezes uma camada incremental.

Para obter mais informações, consulte Estimar custos do Origin Shield.

Invalidações

A cobrança pela invalidação de objetos (remoção de objetos de pontos de presença do CloudFront). Para obter mais informações, consulte Pagar pela invalidação de arquivos.

Invalidações

Equivalente ao item correspondente na fatura do CloudFront.

SSL-Cert-Custom

A cobrança pelo uso de um certificado SSL com um nome de domínio alternativo do CloudFront, como example.com, ao invés de usar o certificado SSL padrão do CloudFront e o nome de domínio que o CloudFront atribui à sua distribuição.

SSL-Cert-Custom

Equivalente ao item correspondente na fatura do CloudFront.