Visualizar métricas do CloudFront e do Lambda@Edge - Amazon CloudFront

Visualizar métricas do CloudFront e do Lambda@Edge

É possível visualizar métricas operacionais sobre as distribuições do CloudFront e as funções do Lambda@Edge no console do CloudFront. Para visualizar essas métricas, consulte a página Monitoring (Monitoramento) no console do CloudFront. Para visualizar gráficos sobre a atividade de uma distribuição do CloudFront ou função do Lambda@Edge específica, selecione uma e escolha visualizar as métricas.

Visualizar as métricas de distribuição padrão do CloudFront

As seguintes métricas padrão são incluídas para todas as distribuições do CloudFront, sem custo adicional:

Solicitações

O número total de solicitações de visualizador recebidas pelo CloudFront, para todos os métodos HTTP e para solicitações HTTP e HTTPS.

Bytes baixados

O número de bytes obtidos por download por visualizadores para solicitações GET, HEAD e OPTIONS.

Bytes carregados

O número total de bytes que os visualizadores fizeram upload para a origem com o CloudFront usando POST e PUT.

Taxa de erros 4xx

A porcentagem de todas as solicitações do visualizador para as quais o código de status HTTP da resposta é 4xx.

Taxa de erros 5xx

A porcentagem de todas as solicitações do visualizador para as quais o código de status HTTP da resposta é 5xx.

Taxa de erros total

A porcentagem de todas as solicitações do visualizador para as quais o código de status HTTP da resposta é 4xx ou 5xx.

Essas métricas são mostradas em gráficos para cada distribuição do CloudFront na páginaMonitoring (Monitoramento) no console do CloudFront. Em cada gráfico, os totais são exibidos na granularidade de 1 minuto. Além de visualizar os gráficos, também é possível fazer download de relatórios de métricas como arquivos CSV.

É possível personalizar os gráficos fazendo o seguinte:

  • Para alterar o intervalo de tempo das informações exibidas nos gráficos, escolha 1h (uma hora), 3h (três horas) ou outro intervalo, ou especifique um intervalo personalizado.

  • Para alterar a frequência com que o CloudFront atualiza as informações no gráfico, clique na seta para baixo ao lado do ícone de atualização e escolha uma taxa de atualização. A taxa de atualização padrão é de 1 minuto, mas é possível escolher 10 segundos, 2 minutos ou outras opções.

Para exibir gráficos do CloudFront no console do CloudWatch, escolha Add to dashboard (Adicionar ao painel).

Visualizar métricas adicionais de distribuição do CloudFront

Além das métricas padrão, é possível ativar outras métricas por um custo adicional. Para obter mais informações sobre o custo, consulte Estimar o custo para as métricas adicionais do CloudFront.

Essas métricas adicionais devem ser ativadas para cada distribuição separadamente:

Taxa de acertos do cache

A porcentagem de todas as solicitações armazenáveis em cache para as quais o CloudFront forneceu o conteúdo do cache. Solicitações HTTP POST e PUT e erros não são considerados solicitações armazenáveis em cache.

Latência de origem

O tempo total gasto de quando o CloudFront recebe uma solicitação até quando começa a fornecer uma resposta à rede (não ao visualizador), para solicitações que são atendidas da origem, não do cache do CloudFront. Isso também é conhecido como latência de primeiro byte ou tempo até o primeiro byte.

Taxa de erro por código de status

A porcentagem de todas as solicitações do visualizador para as quais o código de status HTTP da resposta é um código específico no intervalo 4xx ou 5xx. Essa métrica está disponível para todos os seguintes códigos de erro: 401, 403, 404, 502, 503 e 504.

Habilitar métricas adicionais

Você pode habilitar métricas adicionais no console do CloudFront com a AWS Command Line Interface (AWS CLI) ou a API do CloudFront.

Como ativar métricas adicionais

  1. Faça login no AWS Management Console e abra a página Monitoring (Monitoramento) no console do CloudFront.

  2. Escolha a distribuição para a qual ativar métricas adicionais e selecione View distribution metrics (Visualizar métricas de distribuição).

  3. Selecione Enable additional metrics (Ativar métricas adicionais).

  4. Na janela Enable additional metrics (Ativar métricas adicionais), selecione Enable (Ativar) e Save (Salvar).

Depois de ativar as métricas adicionais, elas são mostradas em gráficos. Em cada gráfico, os totais são exibidos na granularidade de 1 minuto. Além de visualizar os gráficos, também é possível fazer download de relatórios de métricas como arquivos CSV.

É possível personalizar os gráficos fazendo o seguinte:

  • Para alterar o intervalo de tempo das informações exibidas nos gráficos, escolha 1h (uma hora), 3h (três horas) ou outro intervalo, ou especifique um intervalo personalizado.

  • Para alterar a frequência com que o CloudFront atualiza as informações no gráfico, clique na seta para baixo ao lado do ícone de atualização e escolha uma taxa de atualização. A taxa de atualização padrão é de 1 minuto, mas é possível escolher 10 segundos, 2 minutos ou outras opções.

Para exibir gráficos do CloudFront no console do CloudWatch, escolha Add to dashboard (Adicionar ao painel).

Para gerenciar métricas adicionais com a AWS Command Line Interface (AWS CLI), use um dos seguintes comandos.

Como habilitar métricas adicionais para uma distribuição

  • Use o comando create-monitoring-subscription como no exemplo a seguir. Substitua EDFDVBD6EXAMPLE pelo ID da distribuição para a qual você está habilitando métricas adicionais.

    aws cloudfront create-monitoring-subscription --distribution-id EDFDVBD6EXAMPLE --monitoring-subscription RealtimeMetricsSubscriptionConfig={RealtimeMetricsSubscriptionStatus=Enabled}

Como verificar se as métricas adicionais estão habilitadas para uma distribuição

  • Use o comando get-monitoring-subscription como no exemplo a seguir. Substitua EDFDVBD6EXAMPLE pelo ID da distribuição que você está verificando.

    aws cloudfront get-monitoring-subscription --distribution-id EDFDVBD6EXAMPLE

Como desabilitar métricas adicionais para uma distribuição

  • Use o comando delete-monitoring-subscription como no exemplo a seguir. Substitua EDFDVBD6EXAMPLE pelo ID da distribuição para a qual você está desabilitando métricas adicionais.

    aws cloudfront delete-monitoring-subscription --distribution-id EDFDVBD6EXAMPLE

Para gerenciar métricas adicionais com a API do CloudFront, use uma das seguintes operações de API.

Para obter mais informações sobre essas chamadas de API, consulte a documentação de referência da API do seu AWS SDK ou de outro cliente de API.

Estimar o custo para as métricas adicionais do CloudFront

Quando você habilita métricas adicionais para uma distribuição, o CloudFront envia até 8 métricas para o CloudWatch na região Leste dos EUA (Norte da Virgínia). O CloudWatch cobra uma taxa baixa e fixa para cada métrica. Essa taxa é cobrada apenas uma vez por mês, por métrica (até 8 métricas por distribuição). É uma taxa fixa, portanto, o custo permanece o mesmo, independentemente do número de solicitações ou respostas que a distribuição do CloudFront recebe ou envia. Para obter a taxa por métrica, consulte a página de definição de preço do Amazon CloudWatch e a Calculadora de definição de preço do CloudWatch. Taxas de API adicionais se aplicam ao recuperar as métricas com a API do CloudWatch.

Visualizar as métricas de função padrão do Lambda@Edge

As seguintes métricas padrão são exibidas em gráficos para cada função do Lambda@Edge na página Monitoring (Monitoramento) no console do CloudFront:

  • 5xxTaxa de erros do Lambda@Edge

  • Erros de execução do Lambda

  • Respostas inválidas do Lambda

  • Aceleradores do Lambda

Os gráficos incluem o número de invocações, erros, limitações e muito mais. Em cada gráfico, os totais são exibidos na granularidade de 1 minuto, agrupados por região da AWS.

Se você vir um pico nos erros que deseja investigar, será possível escolher uma função e visualizar os arquivos de log por região da AWS, até determinar qual função está causando problemas e em qual região da AWS. Para obter mais informações sobre a resolução de erros do Lambda@Edge, consulte:

É possível personalizar os gráficos fazendo o seguinte:

  • Para alterar o intervalo de tempo das informações exibidas nos gráficos, escolha 1h (uma hora), 3h (três horas) ou outro intervalo, ou especifique um intervalo personalizado.

  • Para alterar a frequência com que o CloudFront atualiza as informações no gráfico, clique na seta para baixo ao lado do ícone de atualização e escolha uma taxa de atualização. A taxa de atualização padrão é de 1 minuto, mas é possível escolher 10 segundos, 2 minutos ou outras opções.

Para visualizar os gráficos no console do CloudWatch, escolha Add to dashboard (Adicionar ao painel). Você deve usar a região Leste dos EUA (Norte da Virgínia) (us-east-1) para visualizar os gráficos no console do CloudWatch.